Bancos devem oferecer R$ 3,1 bi para setor elétrico

Setor elétrico pegou emprestado R$ 17,8 bilhões dos bancos ano passado(ABR/VEJA)

Os bancos vão desembolsar outros 3,1 bilhões de reais para as empresas do setor elétrico. Segundo informação do jornal Valor Econômico, o ministro da Fazenda, Joaquim Levy, se reuniu com representantes dos principais bancos do país para explicar o quão importante é financiar as distribuidoras de energia para que elas consigam pagar as contas atrasadas, referentes a novembro e dezembro, e evitar um aumento ainda maior das tarifas.

O medo da inflação acelerar ainda mais foi transmitido diretamente aos presidentes do Bradesco, Luiz Carlos Trabuco, do Santander, Jesús Zabalza, do Banco do Brasil, Alexandre Abreu, e do Itaú BBA, Candido Bracher, em uma reunião na quarta-feira. Segundo o jornal, o número de bancos que deve entrar nessa rodada de empréstimos não é certo.

Na terça-feira o ministro de Minas e Energia, Eduardo Braga, já havia adiantado que o valor do novo empréstimo ao setor deveria ser fechado em 3,15 bilhões de reais até o fim de março.

Levy também pediu aos banqueiros a extensão do prazo de vencimento de contratos antigos das distribuidoras que somam 17,8 bilhões de reais. Estes empréstimos foram contraídos no ano passado e deveriam começar a serem pagos no final de 2017. Agora Levy quer que o pagamento seja postergado em dois a cinco anos.

O ministro da Fazenda também mostrou aos banqueiros um plano de equacionamento do setor elétrico, para que as empresas da área não dependam mais de tantos financiamentos.

Matriz-GO

(62) 3097-4171

Av. São Paulo, Qd. 11, Lt. 02, 1º Andar, Aparecida de Goiânia-GO - CEP: 74905-770

Filial-RO

(69) 3222-3641

Rua Jatuarana, nº 740, Bairro Lagoa, Porto Velho-RO - CEP: 76812-052

Atendimento Comercial

(62) 3097-4171

E-mail: comercial@energoato.com.br

Copyright © 2015 Energoato Eletricidade. Todos os direitos reservados.

Desenvolvimento: PortalQuest